Abominável a atitude dos dirigentes da federação de Abu Dabhi, que na última quinta-feira, no campeonato de judô, do qual participou o judoca israelense Tal Flicker, vencedor da medalha de ouro, não permitiu que fosse hasteada a bandeira de Israel e tocado o hino Hatikva! Também covardes e omissos foram a Federação Internacional de Judô e o COI que silenciaram!
No entanto, orgulhoso de seu país, na hora da entrega da medalha, ainda que o fundo musical tocasse o hino da FIJ, o jovem israelense, Tal Flicker, cantou orgulhoso o hino de seu país, ou seja a Hatikva.
Parabéns Flicker! Você é nosso herói duas vezes! Que seu exemplo se propague pelo mundo! Que mais uma vez diante do ódio e da intolerância silenciou! Mesmo esse ódio sem trégua, não pudesse jamais se manifestar numa competição esportiva! Que deve ser elo de amor e paz entre povos e nações.

#ódioeintolerâncianãopassarão #teresabergher #vereadoradoRio #garraecoragememdefesadoRio

Professora por formação, comecei a fazer política há 35 anos, ao lado do meu marido, o falecido deputado Gerson Bergher. Fui subprefeita de Copacabana e administradora regional da Maré. Estou no meu quarto mandato parlamentar, e sou reconhecida como uma fiscalizadora implacável do orçamento municipal do executivo, além de presidir hoje com muito êxito a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos na Câmara Municipal do Rio.

0 comentário em “ABOMINÁVEL DISCRIMINAÇÃO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s