Direitos Humanos Opinião Teresa Bergher

Até onde vai a insensibilidade de Trump?

Tanta coisa para falar da cidade, mas como silenciar diante da angústia que vivem, há mais de dois meses, pais que entraram ilegalmente nos EUA e foram separados de seus filhos? Entre eles pelo menos 50 crianças brasileiras, que aguardam que a burocracia americana cumpra ordem judicial e possa por fim a essa terrível situação criada pelo insensível Donald Trump. Como ficarão os danos psicológicos causados a essas crianças, arrancadas à força do convívio de seus pais? Trump esqueceu que foram os imigrantes que construíram a grandeza americana, pagos agora, com prisões, muros e a tortura da separação de famílias. Que mundo é esse?

#insensibilidade #donaldtrump #governotrump #eua #imigração #criançassofrendo

#separaçãodefamílias #porummundomaishumano

Professora por formação, comecei a fazer política há 35 anos, ao lado do meu marido, o falecido deputado Gerson Bergher. Fui subprefeita de Copacabana e administradora regional da Maré. Estou no meu quarto mandato parlamentar, e sou reconhecida como uma fiscalizadora implacável do orçamento municipal do executivo, além de presidir hoje com muito êxito a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos na Câmara Municipal do Rio.

0 comentário em “Até onde vai a insensibilidade de Trump?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s