Ontem, segundo a imprensa, o presidente da CEDAE se reuniu com o Ministério Público e a Defensoria Pública para definir parâmetros de indenização, a ser paga, aos consumidores atingidos pelo fornecimento da água fétida, com gosto de barro, que é oferecida pela empresa que ele dirige. É o mínimo que pode fazer diante dos transtornos e prejuízos que está causando à população do Rio de Janeiro! Totalmente inconcebível, que após um mês, nada tenha sido resolvido! Até para o preparo de alimentos precisamos de água mineral, tamanho é o odor e sabor. E quem não pode comprar? A CEDAE tem obrigação de disponibilizar água mineral para todos os cidadãos! Chega de blá, blá, blá, exigimos solução! Após uma semana do início da fedentina, o presidente saiu da toca, afirmando que o problema seria resolvido em uma semana. Lá se vai um mês e tudo continua na mesma! Até quando? Os senhores deputados que discutem tanto a questão CEDAE, privatiza, não privatiza… onde estão? O MP precisa exigir reparo financeiro e emocional para todas as vítimas, e punição exemplar para os culpados.
Que vergonha!

#vergonha #indenizaçãojá #cedae #águafétida #águacontaminada  #estamosdeolho #riodejaneiro #rj #teresabergher #vereadoradoRio  #garraecoragememdefesadoRio

0 comentário em “DE OLHO NA CEDAE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s