Finalmente na tarde de hoje a Comissão de Ética da Câmara aprovou por unanimidade representação que pode levar à cassação do mandato do vereador Jairinho. Era esse o meu desejo há muito tempo como membro da Comissão de Ética. Infelizmente a burocracia é grande. O inquérito policial deve ser concluído nos próximos dias e a mulher que pariu o anjinho Henry, porque não pode ser chamada de mãe, tenta mudar seu depoimento. Logo, logo, também a defesa do tal Jairinho deve surgir com alguma novidade, quem sabe considerá-lo inimputável, o que seria uma afronta diante da crueldade e covardia do crime. Afinal, o tal vereador foi líder do governo Crivella e presidente da comissão mais importante da Câmara Municipal, a Comissão de Justiça.

#casojairinho #chegadeprivilégios #justiçaporhenry #estamosatentos  #queremosjustiça #teresabergher #vereadoradoRio  #garraecoragememdefesadoRio

Professora por formação, comecei a fazer política há 35 anos, ao lado do meu marido, o falecido deputado Gerson Bergher. Fui subprefeita de Copacabana e administradora regional da Maré. Estou no meu quarto mandato parlamentar, e sou reconhecida como uma fiscalizadora implacável do orçamento municipal do executivo, além de presidir hoje com muito êxito a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos na Câmara Municipal do Rio.

0 comentário em “CASSAÇÃO A CAMINHO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s